Extensão e lifting de cílios viram hits de beleza

Especialista faz um comparativo; saiba qual é a melhor opção para você

Publicado em 28/04/2018
Modelo Twiggy

Conquistar um olhar poderoso com cílios volumosos, alongados e curvados de forma permanente é o desejo de muitas mulheres. Hoje isso já possível, graças aos avanços do mercado da beleza. O procedimento de alongamento de cílios, que garante olhos em destaque de forma mais prática, virou uma febre no Brasil, conquistando celebridades como Giovanna Ewbank e Fernanda Paes Leme.

A técnica evolui, e agora existem duas maneiras para manter o olhar mais expressivo: a extensão de cílios e o lifting de cílios. Carina Arruda, fundadora da Mylash, faz um comparativo entre as técnicas, em entrevista à revista Marie Claire. Confira:

EXTENSÃO DE CÍLIOS

Essa técnica utiliza fios sintéticos colados nos cílios naturais. Diferentemente do que a maioria das pessoas acredita, a técnica não causa danos aos fios naturais, que são renovados em ciclos de cerca de 90 dias. Mas, recomenda-se que sejam escovados diariamente para que não embolem. Outra dica é não molhar o cílios nas primeiras 48 horas após a aplicação, e também evitar esfregar a região para não danificar o material. Depois disso, use shampoo específico para higienizar a área dos olhos. O procedimento leva cerca de 2 horas e a manutenção deve ser feita de 2 a 4 semanas.

LIFTING DE CÍLIOS

Pessoas com cílios retos que preferem evitar o uso de material sintético têm a condição de optar por uma formulação que curva os fios naturais. O produto deixa os cílios mais organizados e brilhantes. Como o produto não entra em contato com a pele, não há risco de alergia. Apesar de ser permitido o uso de máscaras, recomenda-se evitar a aplicação de água quente nos olhos e água do mar, pois ressecam os cílios. O procedimento leva 45 minutos e dura de 2 a 3 meses. Recomenda-se o uso de hidratante para a região dos olhos.

Foto: Reprodução/Pinterest