Burberry lança coleção em homenagem à comunidade LGBTQ+

Clássico xadrez da marca inglesa foi repaginado

Publicado em 14/02/2018
Campanha da Burberry com modelos

A semana de moda de Nova York mal terminou e já estão pipocando notícias sobre os desfiles de Londres. O lineup oficial se inicia no dia 22 e vai até 25 de fevereiro, mas alguns eventos paralelos já estão agendados para o próximo final de semana. No dia 17, Christopher Bailey, à frente da Burberry, vai lançar a sua nova coleção, que promete ser politizada. 

A Burberry deve revelar uma coleção dedicada ao movimento LGBTQ+, o que inclui uma reinterpretação do clássico xadrez da grife com as cores do arco-íris, símbolo da comunidade. 

"Minha última coleção na Burberry é dedicada - e em apoio - a algumas das melhores e mais destacadas organizações que apoiam a juventude LGBTQ+ em todo o mundo. Nunca houve um momento tão importante para dizer que em nossa diversidade está nossa força e nossa criatividade", disse Bailey em entrevista à Vogue britânica. 

Estampa xadrez Burberry LGBTQ+

Além da coleção, que será apresentada no formato see now, buy now ("veja agora, compre agora", na tradução livre), a Burberry se compromete a fazer doações para instituições ligadas à causa, como Albert Kennedy Trust, Trevor Project e ILGA.

E o projeto segue para além da saída de Bailey - já que o estilista deixa oficialmente o posto no final de março, mas seguirá aconselhando a casa até o fim do ano. 

Estampa secular

A tradicional estampa xadrez com fundo bege e listras cruzadas nas cores preta, branca e vermelha da Burberry nasceu em 1921. Rapidamente se tornou a característica mais reconhecida da marca, estampando lenços, bolsas, casacos, entre outras peças. A família real sempre foi fã do print, e no passado consolidou a marca como patrimônio  britânico. 

No decorrer das décadas, a casa foi modernizada, reformulando a estampa, que ganhou mais cores, e investindo em artistas jovens para as propagandas da marca. No ano de 2001, a Burberry convocou  as modelos Kate Moss e Liberty Ross, que foram  clicadas  por Mario Testino. Em seguida, Beyoncé, Jay-Z,  Lily Donaldson, Agyness Deyn e Emma Watson passaram a representar o espírito da nova era da label. 

Foto: Divulgação/Burberry